Consulta Pública

Metodologia TERO.003 - ESTOQUE DE CARBONO EM FLORESTAS

Consulta pública

Roteiro

Toda certificação tem como um dos seus pilares principais a clareza das regras, transparência dos seus processos e o engajamento da sociedade na discussão de questões relacionadas às suas metodologias.

Os passos descritos são o roteiro a ser seguido para atender a todos os critérios e alcançar a conclusão da versão 1.0.

  • 01/11/2023 à 30/11/2023Formulário online disponível para envio de comentários e sugestões acerca da Metodologia TERO.003 – Estoque de Carbono em Florestas;
  • 01/12/2023 à 15/12/2023Análise de todas as contribuições provenientes do formulário público;
  • 24/01/2024 (14h de Brasília) – Seminário online para apresentar a visão geral da Metodologia TERO.003 – Estoque de Carbono em Florestas e também interagir com o público.

Consulta pública

Ficha Técnica

TERO.003 – Estoque de Carbono em Florestas

AFOLU, Estoque de Carbono

  • Estoque de Carbono Verificado (tCO2e)
  • Crédito de Carbono Verificado (tCO2e)
01/11/2023 à 30/11/2023

A TERO.003 – Estoque de Carbono em Florestas é uma metodologia de Agricultura Florestas e Uso do Solo (AFOLU, sigla em inglês), nesta primeira versão, voltada para o Bioma Amazônia. Ela traz como inovação a geração de dois ativos ambientais: (a) Estoque de Carbono Verificado e (b) Crédito de Carbono Verificado, ambos representados por uma tonelada de dióxido de carbono equivalente (tCO2e). O período de compromisso dos projetos que optarem por esta metodologia é ilimitado e podem ser renovados periodicamente, mediante comunicação à certificadora e ao mercado.

Os ativos são gerados por meio da preservação e incremento dos estoques de biomassa em todas as áreas de floresta de propriedades rurais, incluindo a Reserva Legal (RL) e as Áreas de Preservação Permanente (APPs). O objetivo é incentivar atividades que mantém a floresta em pé, gerando ativos (crédito e estoque de carbono) que beneficiem proprietários rurais que demonstrarem sua contribuição para a mitigação da mudança climática.

O Estoque de Carbono Verificado da área do projeto poderá ser renovado periodicamente mediante submissão de novo do Inventário Florestal Amostral (IFA) e sua verificação, feita pela Tero Carbon e auditoria independente. Se for constatado aumento dos estoques de carbono na floresta, será também gerado Crédito de Carbono Verificado na quantidade excedente em relação ao máximo estoque mensurado anteriormente.

A metodologia, dentro do conceito de Pagamento por Serviços Ambientais (PSA), tem como co-benefício a manutenção e preservação da biodiversidade e dos recursos hídricos. As atividades de silvicultura também são aceitas como forma de enriquecimento do estoque de carbono.

ITEM

CAMINHO

Metodologia AFOLU TERO.003 - Estoque de Carbono em Florestas (Versão PT/EN)

Gravação do seminário online

Contribuições

Melhoria Contínua

Envie suas contribuições para a melhoria da metodologia TERO.003 – Estoque de Carbono em Florestas através de um de nossos canais de contato.